Atum em Óleo ou em Água? (Parte 1)

21/02/2017

Essa dúvida é mais comum do que se pensa e muita gente erra ao escolher!

Sempre prefira o atum em ÓLEO! Veja porque:

1. Preservação do Ômega 3

O atum é fonte de ômega 3, uma gordura essencial ao bom funcionamento do nosso organismo. Quando o atum fica em meio aquoso, grande parte desse ômega 3 se perde, devido a oxidação dessa gordura. A melhor forma de preserva-lo é em meio gorduroso!

2. Metais pesados

Todos os peixes são contaminados por metais pesados, uns mais outros menos. No caso do atum em lata, acredita-se que a quantidade de metais pesados pode ser menor que o peixe in natura. Sabe por que? Toxinas são lipofílicas, ou seja, têm afinidade com gorduras! Quando o peixe fica em meio ao óleo, tanto as toxinas da lata, quanto do peixe tendem a se juntar ao óleo. 

  • Portanto, prefira o atum em óleo e lembre-se sempre de não consumir o óleo e descarta-lo no lixo.
  • Evite atum ou outros peixes em lata com molhos. 
  • Outra dica que sempre dou aos meus pacientes é lavar bem a lata e amassa-las, pois muitos bichinhos que moram na rua podem sentir o cheiro e se cortar na lata!


Beijos, Jacqueline Zangrossi